As rendas de bilros na “Ilustração Portugueza”

A Ilustração Portugueza, uma edição semanal do jornal “O Século“, dedicou no seu número 728, lançado a 2 de Fevereiro de 1920, uma página às rendas de bilros de Vila do Conde, “uma linda industria portugueza”.

Pouco tempo após a criação da Escola de Rendas de Vila do Conde, esta interessante revista escrevia assim:

“A industria das rendas é uma das mais interessantes do nosso Portugal e grande fama teem as de Peniche, Viana e Vila do Conde, pacientemente feitas a bilros, levando por isso as lampas às de Valencia onde são todas de fabricação mecânica.
Em Vila do Conde inaugurou-se ha pouco uma Escola de Rendeiras, o que só concorre para que sejam em breve prodigios as obras que as mãos mimosas das vilacondenses executem. Que todas ali fazem renda. As pobres para agenciar a vida, as ricas por diletantismo, para passar o tempo e ornamentar a roupa. Não ha muito realisou-se uma exposição e a ela concorreram todas as oficinas de manufactura local. Damos hoje alguns modelos dos trabalhos expostos pela casa Flores Torres que é como se vê das que mais concorre para o desenvolvimento da lindissima e apreciada industria.”

Segue a reprodução da dita página, com os seus notáveis exemplares das rendas de bilros vilacondenses.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSão Pedro de Vale do Conde (Marmelos – Mirandela)

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of